Secretária de Educação fala sobre os últimos preparativos para o retorno às aulas presenciais

Nesse primeiro momento, somente quatro escolas da rede municipal de ensino retornarão com as atividades presenciais

Ascom


Em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (18), a secretária municipal de Educação, Elaine Lovatel, falou sobre o início das aulas presenciais de forma gradativa, que acontecerá na próxima segunda-feira (22).


Durante a entrevista, Elaine ressaltou que que as aulas de forma remota já tiveram início no dia 1º de fevereiro e agora chegou a hora de retornar com as atividades em sala de aula.


Nesse primeiro momento, somente quatro escolas da rede municipal de ensino retornarão com as atividades presenciais. Na zona urbana, as escolas Eça de Queirós e Olavo Bilac atenderão alunos do 8º e 9º anos. Na zona rural, as escolas São Cristóvão e Fredolino Vieira Barros estarão atendendo de acordo com a sua organização específica.


“Nosso objetivo é retornar com as aulas, mas de forma segura e monitorada. As escolas estão preparadas, mas temos que monitorá-las. Será atendido um grupo de alunos por dia. Teremos dois formatos de atendimento: o remoto e o presencial, por isso é importante que os pais fiquem atentos aos grupos de WhatsApp porque é por eles que esses pais serão informados sobre o retorno à sala de aula”, informou a secretária.


Os pais ou responsáveis que receberem o comunicado do retorno de seus filhos às aulas deverão assinar um termo de compromisso que os estudantes vão cumprir com todos os protocolos de segurança.


Elaine Lovatel ressaltou que todos os colaboradores da Educação estão sendo novamente capacitados pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde para cumprir com todos os protocolos de segurança contra a Covid-19.


“Vai ter uma equipe na entrada da escola aferindo a temperatura de cada aluno, verificando se as crianças apresentam algum sintoma da doença. Isso vai mudar a rotina da entrada das crianças na escola. Os pais que levam seus filhos, precisarão aguardar toda a avaliação da equipe técnica de enfermagem e se alguma criança apresentar qualquer sintoma da doença não poderá entrar na sala de aula”, salientou.


Além dos cuidados com o ingresso na sala de aula, as equipes da Educação estarão atentas com a questão do transporte escolar, principalmente na zona rural. Cada aluno será monitorado na entrada do transporte escolar para evitar qualquer problema referente à pandemia.





Quer receber notícias como essa no seu celular? Click aqui e entre no grupo do WhatsApp .


Leia a última edição completa da Revista Portal