Garcia Aquino &Piccini Advogados

Há 18 anos participando e crescendo junto com essa terra

Maryuska Pavão


Filhos da terra, assim se consideram Kelly Piccini e Hugo Leonardo Garcia de Aquino, ambos advogados, sócios e casados. Nessa edição da Revista Portal o casal conta um pouco da história das famílias, que se aventuraram e chegaram aqui no início da década de 1980, antes de existir de fato Lucas do Rio Verde, vez que era apenas um projeto de assentamento, quando vieram apenas 203 famílias de agricultores, quando se formou a comunidade que deu origem a Lucas do Rio Verde, que somente em 05 de agosto de 1982 foi fundada a agrovila pertencente ainda ao Município de Diamantino, assim, eles puderam acompanhar de perto a evolução da cidade e nesse ano completam 18 anos com o escritório de advocacia.


Minha família veio do Rio Grande do Sul junto com as demais 202 famílias de parceleiros, e eu sou nascida aqui, filha da terra. A vila não tinha quase nada de estrutura, tudo muito rústico e difícil, me lembro das muitas vezes que meu pai Ademar Pedro Piccini, participava de reuniões para debater assuntos de melhoria para a futura cidade e também para colaboração com os outros moradores. Olhar para trás e ver o quanto prosperamos é uma verdadeira vitória” Kelly Piccini

Quanto a escolha da profissão, a advogada lembra que desde pequena montava um escritório para brincar e que era cheio de papeis e canetas.


“Eu montava minha mesa com vários papeis e escrevia e organizava tudo, enfim, de uma brincadeira de criança, se tornou minha profissão e desde que inicie a faculdade de Direito, eu já estagiava no escritório de advocacia que hoje sou sócia e isso contribuiu muito para meu processo de aprendizado e principalmente em entender toda a dinâmica de cada caso. Quando me formei em 2011, eu e o Hugo já éramos casados e logo em seguida nos tornamos sócios no escritório” conta.


Quando a família de Hugo chegou Lucas do Rio Verde, também no início do ano de 1982, o advogado tinha somente três anos, eles moravam na fazenda, na linha Moroco em Sorriso, e que pela distância sempre tiveram como sua cidade Lucas do rio Verde, que também foram pioneiros. Acompanharam e contribuíram para crescimento da cidade. Formado em Direito em 2002, em Cuiabá, o jovem advogado retornou para Lucas no início do ano de 2003 e já começou atuar na área.


“Em maio de 2003 mudei para Lucas do Rio Verde, abrindo um pequeno escritório no centro da cidade, na Rua Santa Fé, as dificuldades eram muitas, mesmo a cidade já bastante evoluída, lembro que a internet era discada, tudo era mais difícil, as estradas, em especial a BR 163 que ainda não é a ideal, mas em 2003 era muito pior, no início eu dividia meu dia a dia no escritório e na fazenda com meu pai Luiz Domingos Aquino. Hoje com a grande demanda de trabalho na área da advocacia, dedico integralmente o tempo às demandas dos clientes. São 18 anos atuando no direito e tenho muito orgulho de toda a nossa trajetória. Especialmente por ter o sentimento que venho cumprindo com honra o meu papel com minha família e com a sociedade luverdense” afirma Hugo.


Segurança, experiência e maturidade são alguns dos elementos que hoje fazem parte da trajetória do escritório Garcia Aquino & Piccini Advogados Associados.



“São 18 anos atuando nas mais diversas áreas do direito, focando a atuação no Direito Agrário, Empresarial e Imobiliário. Durante todo esse tempo fomos parceiros e contribuímos muito com nossos clientes, principalmente com o produtor rural que é de fato um grande empreendedor, pois quando fazemos a análise de cada negócio, procuramos sempre desburocratizar, e indicar a melhor decisão a ser tomada, automaticamente contribuímos para o progresso de toda a região. E esse é nosso foco, ver a região crescer e prosperar de forma organizada e visando a prosperidade, nos dedicamos sempre para com a nossa assessoria jurídica, o nosso parceiro possa tomar a melhor decisão”, destaca Hugo.


Quanto a sintonia de toda a equipe do escritório, Kelly destaca que todos estão preocupados em aprimorar conhecimentos e atender cada vez melhor o cliente. “Esse último ano foi desafiador, mas percebemos que conseguimos manter nossa qualidade no atendimento, seja agregando com equipamentos novos ou com novos estudos, temos o compromisso de manter um bom atendimento, conhecimento e domínio da área de atuação. Enfim, estamos em constante evolução e isso nos orgulha muito em ver o quanto melhoramos e crescemos nesse tempo todo e mesmo com tantas dificuldade” comemora ela.


Nas tomadas de decisão, a dupla destaca o quanto são parceiros e que possuem grande sintonia, para debater os casos e seguir o melhor caminho para o cliente. “Acredito que nossa sintonia como profissionais e casal contribui muito para que possamos discutir casos e encontrar a melhor solução, somos dedicados e engajados com nosso trabalho. Sabemos compensar as ideias e ser o equilíbrio um do outro. Sem dúvidas essas características contribuem para o crescimento e convivência no escritório e o sucesso desses 18 anos” declara Hugo. Garcia Aquino & Piccini Advogados

OAB 2441


Kelly Piccini @kelly_piccini

OAB 15875


Hugo Leonardo Garcia de Aquino

@aquino_hugo

OAB 7.691


Leia a última edição completa da Revista Portal