top of page
  • Foto do escritorEditor

Agro Baggio prepara novos investimentos para Tapurah



Celso Nery

Atenta ao desenvolvimento regional, a Agro Baggio John Deere prepara novos investimentos no município de Tapurah, que em julho celebra 35 anos. Como o município tem experimentado um crescimento importante no setor produtivo, a necessidade de acompanhar essa tendência impulsionou a empresa a planejar a construção de uma sede a altura moderna e ampla.



Roberto Petri, gerente de loja em Lucas do Rio Verde

A história da Agro Baggio em Tapurah, município que fica na área de influência da loja de Lucas do Rio Verde, iniciou há 12 anos, quando foi inaugurado um primeiro ponto de venda. A ideia era que o cliente não precisava vir a Lucas quando optasse por adquirir máquinas, implementos e peças John Deere. “É um modelo que recebeu o nome de ‘express’, que tinha óleo, filtro, coisas que precisa mais no dia a dia, e outros produtos fazia o pedido, pois a logística permitia no dia seguinte entregar o produto ao cliente”, explicou Roberto Petri, gerente de loja em Lucas do Rio Verde.


Com o crescimento da região, houve a necessidade ampliar a presença da Agro Baggio. De duas salas que antes abrigava o ponto de venda, as instalações passaram a ocupar uma área maior. Mesmo assim, o espaço ainda não contemplava uma loja completa, com oficina. Diante da necessidade, foram transferidos dois mecânicos para Tapurah, que passaram a residir no município. “E isso traz uma agilidade muito grande”, reconhece Petri.


Para marcar este momento do desenvolvimento de Tapurah, a Agro Baggio vai construir uma sede moderna para atender a loja. Um terreno localizado na entrada da cidade, próximo ao Parque de Exposições, foi adquirido. O projeto está em fase final e a ideia é iniciar a construção nos próximos meses. “E vai ser uma loja completa, com oficina, com peças, com serviço, com estoque, um pátio grande. É um investimento importante e proporcional ao que temos em Tapurah, proporcional ao que temos tido de reciprocidade com os clientes, têm respondido ao nosso investimento”, detalhou Roberto Petri. “Nada mais natural que trazer uma estrutura deste tamanho pra Tapurah”.


A previsão é que a obra esteja concluída no início de 2024, quando deverá acontecer um grande evento. Com o crescimento da estrutura, a Agro Baggio tende a aumentar o quadro de colaboradores, saindo dos atuais 12 trabalhadores para 30 ou 40 funcionários. “Precisa para uma empresa desse porte”.


"Tapurah merece esse investimento. É uma região muito próspera, com produtores muito capazes, eficientes, tecnológicos. A questão logística do município vai melhorar muito nos próximos anos com vias pavimentadas interligando a várias cidades, vai virar um corredor de acesso importante também para o comércio em geral e a cidade é ótima pra morar. Parabéns a Tapurah, às pessoas que fizeram e fazem deste município uma cidade em constante desenvolvimento”

Comments


bottom of page