Campanha Vacina Solidária registra arrecadação de mais de 2,3 toneladas de alimentos

Doações foram feitas pela Secretaria de Saúde para famílias em vulnerabilidade social

Ascom Prefeitura/ Rayan Nicacio

Ascom Em fevereiro deste ano a esperança começou a acalantar os corações dos moradores de Lucas do Rio Verde com o início da vacinação contra a Covid-19 na cidade. O momento de pandemia, fortemente marcado pelas famílias que entraram em vulnerabilidade social, despertou na Secretaria de Saúde a ideia da Campanha Vacina Solidária.

O último balanço realizado aponta que foram arrecadadas 2.332,720 toneladas de alimentos, até o dia 24 de agosto. O projeto teve início em abril e, logo depois, os drive-thrus no Parque de Exposições começaram a ser organizados, uma forma de vacinar o maior número de pessoas possível em um mesmo espaço e com segurança.

Os primeiros convocados foram os trabalhadores da Saúde e os demais profissionais que atuam na linha de frente do coronavírus. Logo os idosos, pessoas com comorbidades, as forças de segurança e salvamento, professores e profissionais da educação foram imunizados.

As gestantes, puérperas e lactantes seguiram na “fila da vacinação”. Vieram os trabalhadores da indústria e caminhoneiros, vacinados junto da convocação para a população em geral. Desde então, aos poucos, cada grupo contribuiu para amenizar a fome dos mais necessitados.

Esses alimentos foram entregues durante a arrecadação pela própria Secretaria de Saúde, nos PSFs. Os integrantes da equipe do Programa de Saúde da Família, por meio de seus atendimentos diários nas unidades da cidade, ficaram encarregados de identificar as pessoas que frequentam os postos e estão em vulnerabilidade social.

A secretária de Saúde do município, Dra. Fernanda Heldt Ventura, comemora a solidariedade dos munícipes durante as vacinações.

“Ficamos muito felizes com todas as doações arrecadadas, com tudo o que conseguimos. É bom saber que utilizamos um momento tão importante, como é o da vacinação, para também auxiliar pessoas que precisam dessa ajuda. É duplamente gratificante. Agradecemos a cada um que colaborou até hoje, e continuamos a incentivar as doações, que podem ser feitas também nas campanhas de segunda dose”, finalizou Fernanda.


Quer receber notícias como essa no seu celular? Click aqui e entre no grupo do WhatsApp .


Leia a última edição completa da Revista Portal